Cirurgia Minimamente Invasiva2019-02-11T17:23:16+00:00

CIRURGIA MINIMAMENTE INVASIVA

O que é a cirurgia minimamente invasiva?

A cirurgia por videolaparoscopia é uma técnica cirúrgica utilizada para realizar os mesmos procedimentos que já são executados há décadas (retirada da vesícula, hérnias, tumores, cirurgias ginecológicas, cirurgia bariátrica, etc), mas com menos agressão ao organismo – também chamada cirurgia minimamente invasiva.
Através de pequenas incisões no abdome, passam-se instrumentos e uma câmera que projeta as imagens em uma tela, por onde o cirurgião enxerga as estruturas e órgãos para executar a cirurgia.
Na maioria das vezes é necessário inflar o abdome com gás carbônico para criar um espaço semelhante a uma tenda, permitindo separar e identificar os órgãos. Desta forma, quase sempre está indicada uma anestesia geral para operar através desta técnica, que é comprovadamente segura.
A recuperação tende a ser melhor do que na cirurgia aberta/ convencional, e algumas complicações como infecções e hérnias musculares também são bem mais raras.
Há algumas situações especiais nas quais a cirurgia minimamente invasiva não é recomendada, como doenças pulmonares muito graves, por exemplo.
Converse sempre com seu cirurgião para tirar suas dúvidas e saber se esta é uma alternativa que pode ser usada pra você!

Fonte: https://cbc.org.br/wp-content/uploads/2013/05/Ano3-III.Cirurgia-minimamente-invasiva.pdf

Entre em contato

Gostaria de maiores informações, tem alguma dúvida ou quer marcar uma consulta?
Entre em contato conosco.

ENTRAR EM CONTATO